Em ritmo de retomada, SP-Arte, maior feira de arte da América Latina, estreia modelo híbrido e conciso na ARCA

Em sua 17ª edição, a SP-Arte – Festival Internacional de Arte de São Paulo, acontece de 20 a 24 de outubro na ARCA, galpão de 9 mil metros quadrados localizado na Vila Leopoldina, em São Paulo. Acompanhando as principais movimentações e inovações do cenário artístico, a Feira estreia um modelo híbrido: a retomada das atividades presenciais se dá em consonância com o Viewing Room, espaço digital da SP-Arte, que apresenta uma consistente atuação online através do site www.sp-arte.com, onde o público também terá acesso a um calendário atualizado com as atividades preparadas para o evento, assim como pelo Instagram da feira: @sp_arte.

Para esta edição, está confirmada a participação de 125 expositores, entre galerias de arte e design, editoras especializadas, museus e projetos especiais que reencontram o público no novo endereço físico e no Viewing Room. “A SP-Arte contribui e é parte essencial do calendário cultural de São Paulo, além de ser integrante ativa da retomada dos grandes eventos de cultura da cidade, com todos os protocolos necessários para uma visita confortável e segura. Todo o circuito está ansioso pelo reencontro”, comenta Fernanda Feitosa, fundadora da SP-Arte.

No espaço da ARCA, a SP-Arte reúne grandes galerias nacionais e internacionais de arte. Entre as nacionais, figuram nomes como Galeria Millan (SP), Galeria Luisa Strina (SP), Bergamin & Gomide (SP), Fortes D’Aloia & Gabriel (SP – Rio), Silvia Cintra + Box 4 (RJ) Almeida & Dale Galeria de Arte (SP), Dan Galeria (SP) e Pinakotheke (SP). Também participam galerias brasileiras de projeção internacional, como Mendes Wood DM (São Paulo – NY – Bruxelas), Nara Roesler (São Paulo – NY – Rio de Janeiro) e Galeria Jaqueline Martins (São Paulo – Bruxelas). Entre as estreantes, estão jovens galerias que vêm redesenhando o circuito das artes visuais, como Quadra (RJ), HOA (SP) e Projeto Vênus (SP), com foco em artistas emergentes e práticas artísticas renovadas. E fora do eixo Rio-SP, a SP-Arte conta com a presença da Galeria Karla Osorio (Brasília) e Paulo Darzé Galeria (Salvador).

Divulgação